Pular para o conteúdo principal

Redes em clínicas param de competir e começam a cooperar

Espero que o tema de cooperação vs competição se torne cada vez mais frequente por aqui. Três operadores de mídia digital OOH canadenses se uniram para formar a "Canadian Health Media Network".

A PHSN, Cruise Media e a relativamente novata Medik-TV somadas entregam uma audiência de 3 milhões de pessoas em salas de espera.

O objetivo da aliança, segundo Ed Voltan da PHSN, é facilitar o processo de compra dos anunciantes da área de saúde e wellness, oferecendo uma maior massa crítica (quase 10% da população adulta canadense) e um ponto único de contato.

No caso canadense, a competição com várias empresas vendendo essencialmente o mesmo "target" acabou forçando os preços para baixo ao mesmo tempo em que gerou confusão entre os compradores pelos variados "mídia kits", propostas e formatos de relatórios deixados pelos vários vendedores de mídia dessas empresas. Agora os vendedores buscam um interesse comum, a comunicação é mais clara e a expansão da rede será o melhor termômetro para o sucesso da empreitada.

Ainda não há um site para a rede unificada e tenho certeza que na prática um processo desse tipo demora alguns meses para ser delineado, mas acredito que veremos mais e mais iniciativas de empresas formando alianças para crescer.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Festa nas Empresas de Tecnologia Publicitária (AdTech)! A Nova Década Será Marcada por Privacidade e Liderança da Mídia Exterior!

(Créditos foto inc.com)
31 de dezembro de 2019 marcou o final de uma década e de uma era na publicidade digital.
Presenciamos nesses anos passados o sucesso exponencial de tecnologias web para publicidade com base em cookies. A tecnologia permitiu a coleta de dados em massa e a criação de perfis baseados em comportamento e interesses para otimizar o direcionamento de conteúdo servido a cada usuário, mas através de métodos que ignoram sistematicamente a privacidade.
Segundo o Tecnoblog, cookies “são pequenas informações que os sites enviam aos navegadores dos usuários para guardar preferências e dados de login”. Enquanto que “cookies de terceiros” são “cookies que não foram enviados pelo site que você está acessando. Um exemplo clássico é o dos banners de publicidade: o código do anúncio normalmente fica hospedado em outro servidor e, além de exibir a propaganda, envia cookies para rastrear o usuário. Sabendo quais sites a pessoa visita com frequência, é possível descobrir seus interesse…

Digital out of Home a Primer: Marco na indústria DOOH e aproximação com métricas online.

Os segredos do sucesso dos Digital Menuboards

Por que todas as principais redes de alimentação, grandes ou pequenas, tem adotado os Digital Menuboards? 



As tecnologias de Digital Signage são um tempero certeiro no varejo da alimentação. Ver um cheeseburger perfeitamente preparado em uma TV nos fará salivar mesmo que estejamos no sofa de casa distante de um restaurante. Marketing e publicidade digitais tem a capacidade de potencializar o apelo de produtos e serviços. Apelo que ganha ainda mais força quando atuamos no ponto de venda onde o cliente toma sua decisão. Elementos visuais criam estímulos tão poderosos quanto os olfativos na sensação de fome de seus clientes. A lógica é simples: "Se sua comida se apresenta bonita, ela também deve ser saborosa."

Redução de espera e agilidade nos pedidos.

Seja em lanchonetes, fast-food ou restaurantes gourmet, sempre há momentos de espera. No caso das lanchonetes e fast foods essa espera ocorre na área das filas e onde se conta visualmente com o digital menuboard, enquanto outros r…