Pular para o conteúdo principal

Gartner lança o Hype Cycle 2009

Anualmente a Gartner lança seu "Hype Cycle" e na semana passada recebemos a versão 2009. A idéia é pegar as modas e tendências tecnológicas e colocá-la diante de um ciclo de maturação, começando por seu surgimento, passando por um período de expectativa inflada, seguindo por desilusão, amadurecimento e enfim produtividade.

Portanto, se você acha que já ouviu falar o suficiente (ou se ainda não ouviu..) sobre telas 3D ou realidade aumentada, eles ainda estão na parte inicial do ciclo e muito ainda se falará sobre essas tecnologias.



Há de se admitir que algumas das entradas no ciclo são um pouco estranhas e a posição de outras um pouco questionável. Interessante ver, por exemplo, que cloud computing está no auge do hype. Como um paralelo, muitas empresas nacionais capitalizaram no auge do hype na criação de suas infra-estruturas SaaS. Na prática, o gerenciamento de servidores e os módulos necessários para seu funcionamento são bem mais complexos e custosos do que a 1a vista.

Por outro lado, quanto a telas 3D, a Sky anunciou que está planejando o lançamento de um canal em 3D somente para TVs 3D-ready.

Em que estágio você acredita que está o mercado de Digital Out-of-Home no Brasil?

Diria que a fase "technology trigger" ocorreu entre 2004-2006, quando a tecnologia efetivamente apareceu no Brasil e quando assistimos ao crescimento de empresas como Elemidia e Indoormidia.

Entre 2006-2008 acredito que chegamos ao pico do "inflated expectations" e assistimos algumas empresas saindo do ar, entre eles promissores projetos em lojas de conveniência, hotéis e shoppings.

Dessa forma, acredito que estamos em alguma parte entre o ajuste dessas expectativas, a desilusão e o amadurecimento. Na prática, isso varia de empreendimento para empreendimento. Há empresas que sobreviveram as etapas anteriores e já caminham para um amadurecimento, empurrando o mercado para o mesmo caminho. Algumas startups ainda surgem com expectativas infladas, mas já capitalizando em alguns erros e acertos do passado.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Festa nas Empresas de Tecnologia Publicitária (AdTech)! A Nova Década Será Marcada por Privacidade e Liderança da Mídia Exterior!

(Créditos foto inc.com)
31 de dezembro de 2019 marcou o final de uma década e de uma era na publicidade digital.
Presenciamos nesses anos passados o sucesso exponencial de tecnologias web para publicidade com base em cookies. A tecnologia permitiu a coleta de dados em massa e a criação de perfis baseados em comportamento e interesses para otimizar o direcionamento de conteúdo servido a cada usuário, mas através de métodos que ignoram sistematicamente a privacidade.
Segundo o Tecnoblog, cookies “são pequenas informações que os sites enviam aos navegadores dos usuários para guardar preferências e dados de login”. Enquanto que “cookies de terceiros” são “cookies que não foram enviados pelo site que você está acessando. Um exemplo clássico é o dos banners de publicidade: o código do anúncio normalmente fica hospedado em outro servidor e, além de exibir a propaganda, envia cookies para rastrear o usuário. Sabendo quais sites a pessoa visita com frequência, é possível descobrir seus interesse…

Os segredos do sucesso dos Digital Menuboards

Por que todas as principais redes de alimentação, grandes ou pequenas, tem adotado os Digital Menuboards? 



As tecnologias de Digital Signage são um tempero certeiro no varejo da alimentação. Ver um cheeseburger perfeitamente preparado em uma TV nos fará salivar mesmo que estejamos no sofa de casa distante de um restaurante. Marketing e publicidade digitais tem a capacidade de potencializar o apelo de produtos e serviços. Apelo que ganha ainda mais força quando atuamos no ponto de venda onde o cliente toma sua decisão. Elementos visuais criam estímulos tão poderosos quanto os olfativos na sensação de fome de seus clientes. A lógica é simples: "Se sua comida se apresenta bonita, ela também deve ser saborosa."

Redução de espera e agilidade nos pedidos.

Seja em lanchonetes, fast-food ou restaurantes gourmet, sempre há momentos de espera. No caso das lanchonetes e fast foods essa espera ocorre na área das filas e onde se conta visualmente com o digital menuboard, enquanto outros r…

Digital Out of Home a Primer - Seção 1 - Introdução e Fundamentos

Em abril do ano passado noticiamos a produção do DOOH Primer, documento elaborado pelas principais associações e entidades do setor de OOH nos Estados Unidos e nossa intenção em produzir uma versão em português do documento.

O documento consolida os entendimentos mais atualizados globalmente sobre mídia exterior e o Digital Out of Home. Um setor que está em franca transformação digital com aumento significativo de sua relevância como meio de comunicação.

Em resumidas palavras, o Primer é o documento indispensável para agências, compradores de mídia e operadores de rede que atuam no mercado DOOH.

Está disponível para download mediante cadastro simples:

https://www.brasooh.com.br/primer-dooh