Pular para o conteúdo principal

Elemidia eleva o nível da discussão sobre métrica no Brasil

Ontem foi divulgado o resultado da auditoria da PricewaterhouseCoopers sobre o sistema de publicação da Elemídia. Esse é um importante passo não somente para a Elemidia como para toda a nossa indústria, ao elevar a discussão da métrica e confiabilidade dos sistemas de DOOH (Digital Out-of-Home).

Ainda hoje algumas das principais empresas no segmento são sujeitas a fornecer "foto checking" ou outros métodos herdados de outros meios para comprovar a veiculação. Com a chancela de uma auditoria e toda a divulgação da Elemidia, elevamos a discussão junto aos anunciantes ao promover a credibilidade dos relatórios de exibição e torná-los o documento padrão. O efeito no médio-longo prazo será que os grandes compradores de mídia passarão a exigir esse nível de credibilidade de todos operadores de redes de mídia DOOH.

Empresas como a Accent Health operam 12 mil clínicas no exterior. A Neo Advertising tem em torno de 150 mil telas na Europa e EUA. Imagine se houvesse a necessidade do foto-checking? Isso tornaria a indústria inviável. Essas empresas comprovam suas veiculações através de relatórios que foram também sujeitos a auditoria.

Com essa manobra a Elemidia credibiliza seu software e se posiciona a frente de todas as empresas que utilizam softwares proprietários (feitos dentro da própria empresa) ou mesmo de softwares internacionais que não são especializados para mídia e não foram auditados.

Minha opinião é naturalmente tendenciosa, por trabalhar na empresa que fornece a principal plataforma internacional de software para redes com comercialização de mídia. Acredito que em um mercado nascente como é o DOOH, onde recursos ainda são escassos, um investimento desse porte é mais uma indicação de que desenvolver software dentro da própria empresa tira recursos valiosos do objetivo real do negócio. Recursos que poderiam ser alocados para conquista de novos mercados e em vendas.

Em Janeiro de 2008 a BroadSign realizou uma primeira parceria com a Arbitron, segunda maior empresa de pesquisa do mundo (depois da Nielsen..), aferindo 100% de compatibilidade entre os relatórios gerados pelo sistema e o que foi exibido nas telas. Dessa forma, qualquer empresa que utiliza a plataforma BroadSign pode se calcar nesse fato e oferecer um relatório auditado e de credibilidade. Essa parceria com a Arbitron será estendida e clientes BroadSign terão benefícios adicionais a partir de 2010.

É admirável ver que a Elemidia mais uma vez eleva a discussão em nossa indústria e dá mais um importante passo para o amadurecimento do meio e reconhecimento junto ao mercado comprador de mídia.

Comentários

TOTTALMARKETING disse…
Credibilidade e confiança é isso que as relações comerciais precisam construir de um modo sólido e isto só se faz confiando e criando meios próprios de auditagem e o melhor deles é a mensuração de resultados.
A Elemidia é efetivamente uma midia alternativa que está nos lugares certos para se fazerem vistas e é lógico evidente que o seu maior objetivo é se fazer vista.
Esse é o seu principal argumento para provar o pporque do seu ToTTal Sucesso.
Roberto Pires
ToTTal Marketing
Yuri Berezovoy disse…
Obrigado Roberto. De fato a Elemídia segue sempre bastante agressiva e inovadora, contando com alguns dos melhores profissionais do mercado para manter essa posição.
Chamar a atenção para a confiabilidade dos relatórios nos ajuda a todos, uma vez ainda há muita comparação de metodologias de checking com outros meios mais tradicionais.

Postagens mais visitadas deste blog

Fim de Festa nas Empresas de Tecnologia Publicitária (AdTech)! A Nova Década Será Marcada por Privacidade e Liderança da Mídia Exterior!

(Créditos foto inc.com)
31 de dezembro de 2019 marcou o final de uma década e de uma era na publicidade digital.
Presenciamos nesses anos passados o sucesso exponencial de tecnologias web para publicidade com base em cookies. A tecnologia permitiu a coleta de dados em massa e a criação de perfis baseados em comportamento e interesses para otimizar o direcionamento de conteúdo servido a cada usuário, mas através de métodos que ignoram sistematicamente a privacidade.
Segundo o Tecnoblog, cookies “são pequenas informações que os sites enviam aos navegadores dos usuários para guardar preferências e dados de login”. Enquanto que “cookies de terceiros” são “cookies que não foram enviados pelo site que você está acessando. Um exemplo clássico é o dos banners de publicidade: o código do anúncio normalmente fica hospedado em outro servidor e, além de exibir a propaganda, envia cookies para rastrear o usuário. Sabendo quais sites a pessoa visita com frequência, é possível descobrir seus interesse…

Os segredos do sucesso dos Digital Menuboards

Por que todas as principais redes de alimentação, grandes ou pequenas, tem adotado os Digital Menuboards? 



As tecnologias de Digital Signage são um tempero certeiro no varejo da alimentação. Ver um cheeseburger perfeitamente preparado em uma TV nos fará salivar mesmo que estejamos no sofa de casa distante de um restaurante. Marketing e publicidade digitais tem a capacidade de potencializar o apelo de produtos e serviços. Apelo que ganha ainda mais força quando atuamos no ponto de venda onde o cliente toma sua decisão. Elementos visuais criam estímulos tão poderosos quanto os olfativos na sensação de fome de seus clientes. A lógica é simples: "Se sua comida se apresenta bonita, ela também deve ser saborosa."

Redução de espera e agilidade nos pedidos.

Seja em lanchonetes, fast-food ou restaurantes gourmet, sempre há momentos de espera. No caso das lanchonetes e fast foods essa espera ocorre na área das filas e onde se conta visualmente com o digital menuboard, enquanto outros r…

Digital Out of Home a Primer - Seção 1 - Introdução e Fundamentos

Em abril do ano passado noticiamos a produção do DOOH Primer, documento elaborado pelas principais associações e entidades do setor de OOH nos Estados Unidos e nossa intenção em produzir uma versão em português do documento.

O documento consolida os entendimentos mais atualizados globalmente sobre mídia exterior e o Digital Out of Home. Um setor que está em franca transformação digital com aumento significativo de sua relevância como meio de comunicação.

Em resumidas palavras, o Primer é o documento indispensável para agências, compradores de mídia e operadores de rede que atuam no mercado DOOH.

Está disponível para download mediante cadastro simples:

https://www.brasooh.com.br/primer-dooh